Capa do livro

A espiral da morte

Ícone de premiado
Jabuti 2017 · Ciências da Natureza, Meio Ambiente e Matemática
Claudio Angelo
twitter logo facebook logo linkedin logo

Sobre o livro

Um trabalho de fôlego e apuração detalhada que tenta desvendar como sobreviver às consequências nefastas do aquecimento global. Neste livro vencedor do Prêmio Jabuti 2017, o jornalista Claudio Angelo viaja aos extremos da Terra para documentar os impactos da mudança climática. Numa mistura de reportagem, diário de viagem e relato científico, o autor mostra como o Ártico e a Antártida estão derretendo por causa das ações humanas e como isso impacta desde animais icônicos como os pinguins e os ursos-polares até os moradores de metrópoles brasileiras como Rio e Recife. Numa narrativa divertida, que traduz a ciência do clima para o público leigo sem contornar sua complexidade, A espiral da morte passeia entre agricultores esquimós, ursos esfomeados, ambientalistas presos, marinheiros heróis, os interesses da poderosa indústria do petróleo e cientistas que arriscam suas vidas nos locais mais inóspitos do mundo para desvendar o quebra-cabeças do aquecimento global. Um livro indispensável para quem quer entender um dos maiores problemas da humanidade neste século. Livro vencedor do Prêmio Jabuti 2017, na categoria Ciências da Natureza, Meio Ambiente e Matemática.

Páginas

496

Editora

Companhia das Letras

Como associado da Amazon, Livros Premiados recebe por compras qualificadas.

Outros premiados na categoria Ciências

Outros premiados em 2017